Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2018

A ILUMINAÇÃO DE GAUTAMA BUDA - OSHO

A ILUMINAÇÃO DE GAUTAMA BUDA - OSHO
"Por seis anos Buda fez tudo o que alguém poderia fazer, ele passou por todos os tipos de professor, mestre, erudito, sábio, vidente, santo. (...) Todo o país estava à procura de apenas uma coisa: como encontrar algo que transcendesse a morte.
Mas depois de seis anos de um tremendo esforço, de austeridades, jejuns e posturas de yoga, nada aconteceu. E um dia... Mesmo os budistas não foram capazes de entender o significado dessa história. Esta é a história mais importante na vida de Gautama Buda: nada se compara a ela.

Pense em Gautama Buda. Ele era seu ser original, e essa é a sua beleza e a sua grandeza. Ele não era um budista, mas simplesmente ele mesmo. Com diferentes mestres, por seis anos ele tentou continuamente encontrar a verdade, mas nada aconteceu, exceto frustrações e fracasso. Ele estava em grande desespero, pois estivera com todos os grandes professores e por causa da sinceridade e da honestidade de Gautama Buda, esses mesmos professo…

KUMARAJIVA E O CAMINHO DO MEIO NA CHINA

Kumārajīva em frente às cavernas de Kizil, Xinjiang (Wikipedia)
Kumārajīva e o Caminho do Meio na ChinaA maioria das pessoas fica surpresa quando é dito que os indianos Gāndhārī e Khotan Saka eram os principais idiomas da bacia de Tarim , Xinjiang, desde os primeiros tempos registrados até cerca de 1000 EC, onde eu considero a maior região geográfica que inclui o Paquistão e o Afeganistão. O papel da tradição védica na cultura da Ásia Central torna-se claro a partir das muitas representações de Śiva, Maheśvara, Umā, Kṛṣṇa, Gaṇeśa e outras divindades que foram encontradas nas ruínas de templos e mosteiros. A hermenêutica védica também desempenhou um papel fundamental no desenvolvimento da seita Madhyamaka na Ásia Central e na China. Na Índia, há dois mil anos, havia poderosas correntes intelectuais não muito diferentes do que está acontecendo no mundo agora. A doutrina do Buda de anatta ( anātmā ), “não-eu”, ou o ensinamento de que o sentido de um eu autónomo e permanente é uma ilusão, le…

BUDISMO COMO FILOSOFIA ESPIRITUAL DO SÉCULO 21: EXPLORANDO O BUDISMO INICIAL

Foto deAmanda Flavell em Unsplash Budismo como filosofia espiritual do século 21 Explorando o Budismo Inicialpor Mike Meyer Engraçado como essas coisas acontecem. Eu tenho trabalhado com o problema das religiões por muitos anos, mas com maior urgência como o papel bizarro da religião no colapso da América tornou-se, bem, mais bizarro. A realidade básica, como todos sabemos, é o desaparecimento das religiões clássicas nas culturas pós-industriais. Essa era a inevitabilidade de sua irrelevância, à medida que suas interpretações tradicionais da realidade se tornavam absurdas, com maior conhecimento e educação mais ampla. Eu não tenho interesse em lidar com quaisquer religiões marginais que façam alegações e denúncias ultrajantes. Mas estou muito interessado em discutir as idéias que apresento aqui com qualquer um que as ache interessantes e, talvez, relevantes. Por causa da minha falta de interesse em religião, como dito acima, não vou repetir os últimos três mil anos. Comece a pesquisar mai…

A LUZ QUE VEM DE DENTRO NA MEDITAÇÃO VIPASSANA: 10 DIAS EM SILÊNCIO MEDITANDO 10 HORAS POR DIA(DESCRIÇÃO COMPLETA)

A luz vem de dentro – 10 dias em silêncio meditando 10 horas por dia (completo)Uma energia intensa descia pelo topo da minha cabeça. Era muito forte. De repente comecei a enxergar tudo branco. Uma sensação de paz e prazer enormes. Seria a iluminação? Claro que não, pensei. Ainda tenho muita coisa para aprender nessa vida. Será que estou ficando louco? Também não, estou mais lúcido do que o normal. Já passou das 18:30 e estamos em julho. É inverno. De onde vem essa claridade toda? Será que abro o olho para conferir? Se abrir pode ser que corte “o barato”. Bom, então vou permanecer de olhos fechados e continuar aqui “curtindo esse negócio”! Que coisa mais linda! Como faço para ter isso de novo? Será que se eu contar para outras pessoas elas vão acreditar? Como descrever sensações muito mais amplas do que as palavras dão conta? Quero continuar neste lugar. O corpo está leve e meu mundo está em paz. Seria a iluminação? Claro que não, pensei. Ainda tenho muita coisa para aprender nessa vida…