Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2017

A HORA DO LOBO(EXCERTOS) - MONGE KOMYO

A Hora do Lobo (excertos), porMonge Kōmyō |

Existe um predador no interior de todos nós. Ele não existe para predar outras pessoas, mas para caçar a nós mesmos, devorando nosso discernimento, afastando a sabedoria. Foi criado a partir de nossos hábitos e padrões de comportamento insalubres, de nossas vaidades e egoísmos, e se alimenta de nossa energia mental, emocional e espiritual.
Como todo predador, ele não age aleatoriamente e sem estratégia; fica à espreita e somente nos domina quando estimulado pelas circunstâncias, emoções e pensamentos que excitem sua ira. E nesta hora, como afirma Thich Nhat Hanh, o grande mestre budista do zen vietnamita, fazemos coisas que não queremos fazer, dizemos coisas que não queremos dizer, pensamos coisas que não gostamos de pensar. Magoamos a nós mesmos e a outros, incapazes de agir com consciência plena. Esta é a Hora do Lobo, o momento em que caímos na mais lamentável cadeia de ações inconscientes e ignorantes, fundamentadas nos vícios de atitude qu…

COMO DESBLOQUEAR OS CHAKRAS - CONCEITOS E EXERCÍCIOS

Como desbloquear os Chakras-Conceitos e exercíciosDe acordo com a crença Hindu ou Budista, os Chakras são vastas (ainda que confinadas) piscinas de energia que, em nossos corpos, governam nossas qualidades psicológicas. Diz-se que há sete principais chakras ao todo: quatro na parte superior, que governam nossas propriedades mentais; e três na parte inferior, que guiam nossas propriedades instintivas. Eles são: 1-O Chakra Muladhara (raiz).
2-O Chakra Svadhisthana (sacral).
3-O Chakra Manipura (plexo solar).
4-O Chakra Anahata (coração).
5-O Chakra Visuddhi (garganta).
6-O Chakra Ajna (terceiro olho).
7-O Chakra Sahasrara (coroa).
De acordo com os ensinamentos Budistas/Hindus, todos os chakras devem contribuir para o bem-estar humano. Nossos instintos devem unir forças com nossos pensamentos e sentimentos. Alguns de nossos chakras normalmente não são inteiramente abertos (ou seja, eles operam sempre da mesma maneira, desde seu nascimento), mas alguns são hiperativos, ou até quase que fechados. …